quinta-feira, 13 de junho de 2013

:: Desculpe mas eu vou chorar


Aí a maternidade vem e pá!, bota dentro da pessoa um alter ego chorão que não estava ali antes. 

Eu virei o tipo de pessoa que chora no balé da filha, chora na natação, chora porque descobriu um dente mole na cria (mais essa agora!). Eu choro das bonitezas da vida, de raiva dos filhos, de raiva de mim, de orgulho, de alegria, de cansaço. Choro com músicas, filmes, vídeos de parto de desconhecidos. Meu deus, como eu choro!

E cabe aqui uma explicação: na adolescência, um amigo me definiu como "BZ, a mulher sem lágrimas - não chora nunca, foi treinada para isso!". É que eu sempre fui durona (pode substituir por insensível, travada , icequeen, blasé ou orgulhosa, escolha à vontade!). Nunca fui de verter lágrimas por qualquer porcaria, não senhores. Chorar era pra dor física e olhe lá. Topada de dedinho no canto do móvel me arrancava umas lagriminhas, mas um filme insuportavelmente lindo, jamé! 

Então os anos se passaram, eu pari duas crianças e agora eu choro, ok?

E aí me vem o destino e bota dentro da minha casa uma filha ensaiando TRISTEZA DO JECA para a festa junina. Me diz se isso vai prestar? Não vai.

Alice faz cara de sofrimento e canta afinadinha bem assim:

"Eu nasci naquela serra, num ranchinho beira chão...", com ênfase no "beIra", o I bem prenunciado. 

PORRA! Como não chorar diante de um ranchinho beIra chão? É tão bonitinho ver uma criança falando beIra, gente! "Ranchinho beira chão", que imagem linda! (ainda que eu não saiba bem o que venha a ser isso... - É porque o chão é todo ESBURAÇADO - ela faz cara de dúvida e corrige - ...cheio de buracos, então é "BEIRA-CHÃO", entendeu?, e quem sou eu pra dizer que não?).

Mostro pra ela a versão de Tonico e Tinoco e ela diz que é tão triste que dá vontade de chorar  (parafraseando a música e forçando umas lágrimas sem vergonha, a espertinha). E dá vontade mesmo. Tonico e Tinoco, poxa vida! Eram tão adoráveis com aquele sotaque arrastado de Araraquara (eles não devem ser de Araraquara, mas não tem cidade melhor pra exemplificar o sotaque, com esse tanto de erres a serem puxados, rá!). Tonico & Tinoco é muito amor, é Brasil raiz, é cultura popular! E eles morreram, ainda por cima. Tonico & Tinoco are dead. Isso, mais a minha minha filha cantando "ranchinho beIra chão" com olhos tristonho (porque ela sabe que o Jeca é um cabra triste), pensem se não é para fazer chorar a mais durona (insensível/travada/blasé etc) das mães?


Se não for suficiente,  ainda posso lhes dar mais uma razão.


Professora veio me contar do seguinte diálogo que aconteceu na escola enquanto eles discutiam os motivos do Jeca ser tão triste.

- É porque a mulher dele morreu, disse um.

- Não! É porque ele é apaixonado por duas mulheres, mas só pode ficar com uma, opinou outra (quem adivinhar quem ganha um doce...)

- Nossa, IGUAL A VOCÊ, ALICE!, que é apaixonada pelo Mateus e pelo Davizinho ao mesmo tempo!!!

Cataploft!

E a mãe faz o quê? Chora, né? De rir também vale, ora pois!

27 comentários:

  1. kkkkkk, mto bom. E eu que já era chorona então? Depois que virei mãe me derreto por qq motivo. Na apresentação da escola no final do ano passado comecei a chorar assim q me sentei na cadeira (nem tinha começado...).
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "GENTE CONHECI UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE RENDA EXTRA, ACHEI EXCELENTE E QUERO INDICAR PARA VOCÊS...
      NÃO PRECISA COMPRAR OU VENDER NADA!

      Ganho dentro de casa bem mais do que quando trabalhava fora, levantava às 6 e meia da manhã e só voltava para casa após as 17 horas, nem planejava ir tão longe assim, mas o negócio realmente deu certo e não penso mais em voltar ao mercado de trabalho. O trabalho é bem simples ao cadastrar-se você recebe um código de participação e um site personalizado com seus dados, a empresa lhe ensinará todo o trabalho através de sua área restrita e você ganhará dinheiro com o resultado do seu trabalho.
      Além de garantirmos uma ótima Renda Mensal e Ganhos Semanais, a empresa ainda garante a nós participantes, vários benefícios...
      Faça como eu e conquiste sua renda também.
      MAIORES INFORMAÇÕES, CADASTRO E TEL DA EMPRESA (COPIE E COLE O LINK ABAIXO EM SEU NAVEGADOR ) .

      https://www.frpromotora.com/ivan44660803

      MEU E-MAIL >>> ivantrab.online@hotmail.com

      MEU BLOG >>> http://trabalhonline.wix.com/frpromotora

      Excluir
  2. Nossa, chorar é comigo! Por qualquer coisa. Em uma das apresentações do dia das mães eles cantaram: ...Os seus pés vão me levar, onde as minhas mãos não podem chegar... Vestidos com camisetas carimbadas com os pés e as mãos deles. Quase morri! Filmar e fotografar fica difícil nessas circunstâncias. No ano seguinte um deles disse: Mãe só não vai chorar! É mole? Beijos, Gisa Hangai

    ResponderExcluir
  3. Eles são de São Manuel - SP, que tem um sotaque que vou te dizer. É aqui do lado da minha cidade e a praça tem uma "estautua" deles cantando, talvez Tristeza do Jeca.
    ;)

    ResponderExcluir
  4. "Tonico & Tinoco are dead". Chorei de rir, hohoho

    ResponderExcluir
  5. E rir das lágrimas dos outros, pode? Kkk
    Mas calma: estou rindo é desse post aqui... hehe
    Eu parei de assistir telejornal no início da gravidez, porque me desabava quando via morte, e nenê abandonado então... Meu marido chegou em casa e me pegou aos prantos! Ele desesperou, e perguntou se eu queria que a gente tentasse adotar aquele bebê... ;-)
    Mãe é tudo igual, não era o que a gente dizia quando queria solidarizar com uma amiga? rs

    ResponderExcluir
  6. Mariana, você ainda tem um bom motivo para chorar, já que sua filhota chega em casa cantando (!) uma linda e tristonha história de ranchinho e amores não correspondidos. E eu? E eu, meu Deus!??? Arthur chegou com um bilhetinho da creche avisando que ele falou BOLA. É, bola. Tem coisa mais prosaica no país do futebol? Não, não tem. Mas eu achei que era algo tipo o ranchinho à beira-chão. Agora, quer a parte tristona da história? Passei a manhã todinha falando e mostrando bolas (diversos tipos, tamanhos, texturas e materiais) e ele necas! Ele falou BOLA e eu não ouvi.
    =(
    Bjs (buááááá)

    ResponderExcluir
  7. It's really a nice and helpful piece of information. I'm satisfied that you shared this useful info with
    us. Please keep us informed like this. Thanks for sharing.



    Here is my blog post; übersetzung deutsch englisch google ()

    ResponderExcluir
  8. Mari,
    eu sou a definição de "manteiga derretida". Ultimamente tenho chorado nas quadrilhas de São João da escola... dos meus filhos é compreensível... mas das outras turmas também, acho que sou a única... :'-D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Te entendo. O meu mais velho tem 14, foi ao cinema sozinho pela primeira vez semana passada. Eu chorei. Fala pra mim se não é pra uma mãe chorar, vendo a cria se soltando pelo mundo? E também por perder a melhor companhia do mundo que eu tinha pro cinema. Agora comigo não tem mais graça! ;-(

    ResponderExcluir
  10. Socorro... Eu já sou super chorona!!! Como é que vai ser quando eu tiver filhos!
    Estou planejando engravidar e se tudo der certo começamos a tentar em setembro!
    Gostaria de te mandar o livro que o meu marido escreveu. Me mande, please, o seu endereço no meu e-mail thatianabandeira@hotmail.com
    Beijos
    www.maisquenovemeses.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Super me identifiquei e vou confessar uma coisa: na minha terapia, a Dra. sempre me pergunta "já chorou hoje" porque eu choro TODOS os dias da minha vida... de alegria, de desespero (rs), de emoção... nem sei como ainda tenho lágrimas!

    ResponderExcluir
  12. Posso chorar de rir tbém!!!rsrsrs
    E vou confessar eu era igualzinha, durona, não chorava por nada e adivinha agora???rsrsrs
    Sabe que lendo esse post me deu uma saudade de vc (e eu nem te conheço), mas é que sempre eu vinha aqui e tinha uns post danados de bom, como esse agora, e eu adorava passar por aqui, e fazia tempo que eu não vinha, que to quase chorando de emoção. Acho que a gravidez mexe com os hormônios da gente para todo o sempre viu!!! Afff

    ResponderExcluir
  13. Oi Mari, não sabia desse seu lado durona, deve ser mal do nome. Essa Alice deve estar um barato, artista mesmo.

    ResponderExcluir
  14. kkkkkkkkkkkkk Eles mudam tudo na nossa vida! Eu tb fiquei chorona, nem formiga eu mato mais, por dó (ou medo de chorar depois...), enfim, nossos filhos nos tornaram pessoas melhores, maiores e sentimentais! ;) Bjos!!!

    http://diariodabrunet.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi amei seu blog, show de bolo, sucesso. Beijocasss

    ResponderExcluir
  16. "GENTE CONHECI UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE RENDA EXTRA, ACHEI EXCELENTE E QUERO INDICAR PARA VOCÊS...
    NÃO PRECISA COMPRAR OU VENDER NADA!

    Ganho dentro de casa bem mais do que quando trabalhava fora, levantava às 6 e meia da manhã e só voltava para casa após as 17 horas, nem planejava ir tão longe assim, mas o negócio realmente deu certo e não penso mais em voltar ao mercado de trabalho. O trabalho é bem simples ao cadastrar-se você recebe um código de participação e um site personalizado com seus dados, a empresa lhe ensinará todo o trabalho através de sua área restrita e você ganhará dinheiro com o resultado do seu trabalho.
    Além de garantirmos uma ótima Renda Mensal e Ganhos Semanais, a empresa ainda garante a nós participantes, vários benefícios...
    Faça como eu e conquiste sua renda também.
    MAIORES INFORMAÇÕES, CADASTRO E TEL DA EMPRESA (COPIE E COLE O LINK ABAIXO EM SEU NAVEGADOR ) .

    https://www.frpromotora.com/ivan44660803

    MEU E-MAIL >>> ivantrab.online@hotmail.com

    MEU BLOG >>> http://trabalhonline.wix.com/frpromotora

    ResponderExcluir
  17. Posso chorar??? hahaha!! Que post lindo, adoreiii!

    http://maesconectadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Chorar enobrece a alma. Chorar de emoção por um filho é um estado de graça.

    ResponderExcluir
  19. rsrs tenho chorado muito tmbm...isso mesmo é coisa de mãe ...e vez enquanto do risada atoa. kkkk seguindo vc seu blog é um graça..
    espero que vc me siga tmbm trocaremos experiencias vai ser bom pra mim! um cheiro!
    http://maesqueajudam.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. rsrs tenho chorado muito tmbm...isso mesmo é coisa de mãe ...e vez enquanto do risada atoa. kkkk seguindo vc seu blog é um graça..
    espero que vc me siga tmbm trocaremos experiencias vai ser bom pra mim! um cheiro!
    http://maesqueajudam.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Engraçado eu descobri o seu blog hoje, através do Minha Mãe que disse. Ontem mesmo postei no meu blog algo sobre choro. Sempre digo que choro e culpa andam de mãos dadas na vida de uma mãe. amei encontrar o seu blog.
    http://flechasnamao.wordpress.com

    ResponderExcluir
  22. Mari, junho acabou faz tempo....cadê você? Alegria e identificação garantida ler aqui! :)
    bju,
    Nelle

    ResponderExcluir
  23. É tão bom encarar uns blogs como o seu as vezes... Acabam me enchendo de paz hehehe Por que? Porque essa da "tristeza do Jeca" eu morri de ri! Entendi tudo! Senti a emoção! É isso ai, mesmo! Meus filhos nascem em algumas semanas, e sem sair ainda, eu já choro sozinho tb hehe :) bjs

    ResponderExcluir
  24. Olha só.. li seu texto agora a noite de novo no MMQD pro marido e pra filha de 7 anos.. Depois vim pra cá ler o texto do caco de vidro.. e eles atentos e rindo claro... depois filhota de 7 anos pede mais um texto..rs

    Escolhi "a tristeza do jeca"... Muito bom... to adorando tudo isso.. como disse o amigo acima... "é tão bom encarar uns blogs como o seu as vezes".. eu digo.... de vez em sempre!
    Tanto arroxo ultimamente por aqui que a vontade é só de ler textos assim...
    Beijocas mil! Obrigada

    Teresinha Nolasco.. mãe da d.Maricotinha, a Maria

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails