quarta-feira, 30 de março de 2011

:: A aparição


Dia desses fui abordada numa rede social dessa vida. Parece que eu tenho o perfil para uma certa campanha a ser fotografada em breve. Aí pronto, fiquei um-no-jo! Oi, delírios de top model! Oi fama, fortuna, glamour e temporadas de moda em Milão! Oi, pessoa realista e pé no chão, tudo bem?

(Só pra ficar claro, eu conheço quem me abordou, ok? Não sou nem maluca nem ingênua para cair em golpes internéticos e terminar numa banheira de gelo sem um rim. Não tentem isso em casa sem ter certeza que é confiável, please...)

A produtora de casting me pediu para mandar umas fotos. Esse pedido é meio arriscado, porque nem sempre o que se vê é de fato o que se tem: na tentativa de vender o próprio peixe, a gente só escolhe o melhor do melhor do melhor. Para cada 100 fotos meia boca todo mundo tem 1 em que está especialmente bem. Assim fica fácil. Escolhi as fotos mais espetaculosas (e que, vejam bem, foram tiradas em momentos mágicos tipo gravidez ou Paris, com a pele radiante e o humor nas alturas) e mandei. Passei pra segunda etapa: a produtora me ligou e pediu pra eu ir até o estúdio tirar mais fotos. Ai que chiqueza, que sucesso, como sou bela e carismática!

Fiz-me linda ontem à tarde e fui, toda pirlimpimpim, tirar as benditas fotos. Super num clima já ganhou!, já ganhou!, já ganhou! (ai, dá até uma vergoinha confessar essas coisas... pessoa louca, tá gente, há que se dar um desconto.)

Aí cheguei vaporosa e foi aquele TAPA NA CARA, né?

Eu tenho 1 metro e 59. Eu uso calça 40. Ainda estou uns 4 quilos acima do peso (vejam o lado positivo: há 2 meses eram 10 quilos...). Eu sou bonitinha-normal, gente. Simpática, sabe? Aquela garota comum que foi da sua classe ou coisa do tipo. Aí chego lá e só vejo mulherão. Espiei no caderninho da produtora e as alturas começavam em 1,70. Cruzei no portão com uma morena tão linda que quase caí pra trás. Enfim. Um gostoso choque gelado de realidade pra refrescar o dia.

Na hora das fotos ainda fui surpreendida pelo fator nervosismo, que faz a expressão congelar, os lábios ficarem meio bobos e os olhos parecerem lunáticos, um mais arregalado que o outro. Tirar foto de gatinha é fácil quando é o marido fotografando, né? Bota fotógrafo profissional e luz na fuça que a gente fica instantaneamente com cara de pastel. Tirei as fotos me sentindo super desconfortável, percebi que o desconforto estava estampado na cara, aí fiquei autoconsciente e crítica, e mais nervosa, e assim fomos ladeira abaixo. Como, aliás, era de se esperar para uma criatura que nunca tirou fotos do tipo na vida.

No fim da sessão a fotógrafa me chamou pra ver as fotos.

Ai, gente. AI, GENTE! Que situação. Tenho ataquinhos de riso nervoso só de lembrar.

Estava tudo lá: um ar de desequilibrada, os olhos assimétricos, a boca dura de botox e a cara de pastel. Pra tudo isso eu estava preparada. Mas tinha algo mais. Algo que muito me surpreendeu. BOCHECHAS. Pregadas na minha própria cara. Bochechas que não estavam ali antes, juro juro!

Sabe essas fotos aterrorizantes que contém visitantes do além? Tipos, aqui sou eu, aqui meu irmão, aqui meu primo... e aqui, oh!, meu tataravô que morreu em 1882! Foi assim. God, eu tenho bochechas fantasma! Bochechas que não aparecem na vida real - fui checar no espelho - mas que na luz chapada da foto se revelam como mágica! Horror, horror!

Fiquei em choque contemplando minhas novas bochechas e tentando me justificar ("é o pós parto, moça!" "ah, você é mãe, qual a idade do seu filho?" "oi? - cof cof - 7 meses..." Hahahahahaha!). A produtora, que era fofa, ainda disse que eu podia voltar pra fazer novas fotos se conseguisse emagrecer mais até o mês que vem. Quédizê: lá se foi o trabalho, o cachê (que era bem bom) e a auto-estima delirante.

Agora, além de conviver com a fato de ter 1,59m e usar calça 40, além de estar de regime, além de ser apenas normal, eu ainda tenho que lidar com bochechas fantasma que se materializam em fotografias. Não mereço isso, mas quem falou que a vida é justa?

Então, já que eu não vou ganhar fortunas com a minha beleza arrasadora (meu marido acha, tá?), bora voltar pra vida real e ficar feliz, muito feliz, no emprego novo? Principalmente porque o freela é curto. E crachá temporário, graças a deus, não tem foto.

40 comentários:

  1. Hahahahahhaha
    Não tive como não rir, sorry!
    Se a bochecha tá tão grande, pPorque tu não tenta um casting para propaganda de blush, hein?
    Bjs

    PS: desculpa o humor negro.

    ResponderExcluir
  2. hum... fotos de paris...? conheço a fotógrafa?

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkk
    me desculpe, mas tenho que rir!!!
    adeus fama e fortuna, adeus glamour... rs

    eu também sou encanda com bochechas, vá vá! elas duplicam de tamanho na foto, e nem vem dizer que é nóia da minha cabeça... nope.

    pelo menos agora alguém me entende.... rs

    BJoooooooo

    ResponderExcluir
  4. ahahhahahahah! to aqui, rindo que nem doida sozinha!

    entendi perfeitamente seu sentimento, já meio q passei por algo similar (um bom tempo atrás, nem dava pra culpar o pós parto!)e saí me sentindo uma pata! =P

    bjs bjs!

    ResponderExcluir
  5. hahahaha só vc mesmo? Vai tentar mês que vem de novo?

    ResponderExcluir
  6. Hahahahaha tô aqui morrendo de rir! Imagina como eu estou, porque nem sei quantos quilos a mais ainda habitam esse corpinho...

    ResponderExcluir
  7. Já viu a temporada do Americas Next Top Model das "baixinhas"?

    Levar a vida com leveza, esse é o seu lema! e faz muito bem.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. ah...mas eu amo bochechas! Pense daqui 10 anos...vc terá suas lindas bochechas que dão um ar assim tipo 2 anos mais nova, e as magérrimas já estarão desesperadas e petrificadas no botox...
    Beijos,
    Nine

    ResponderExcluir
  9. Desculpe a puxação de saco mas te acho tão lnda que já tava esperando a propaganda pra dizer pra todo mundo: eu sigo ela, eu sigo ela!!! boa sorte na proxima e beijos

    ResponderExcluir
  10. Ah, não, Mari, não, não e não! Vc é linda, natural e verdadeiramente linda. Nada fake ou montado. Agora, quero ver as fotos, aposto q vc está exagerando horrores!!
    Super bjo,
    Camila
    www.mamaetaocupada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Buáaaa! Eu tenho 1,59 e uso calça 40!!! Antes e depois da gravidez, snif! Tô tentando perder aqueles 2 quilos, sabe? KKKKKKK. Adorei o post!

    ResponderExcluir
  13. Mari, 40 é o novo 38, tá? E não se fala mais nilson!
    Outros cachês virão, eu aposto no de escritora!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Ai Mari, vc é mto comédia... Fiquei imaginando a cena.. Mas pensa pelo lado "bão", só de ter sido chamada já foi bacana, né? :) E agora vc tem mais uma história pra contar! rs
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. "que dê o gramur das recém paridas, que dê"???? Bjsss

    ResponderExcluir
  16. Passei por uma dessas na gravidez. Cinco meses, quase sem barriga, tinha engordado pouco (ainda..rs) casting pra fotos de lingirie de grávida de uma marca famosa.
    Eu me sentindo por ter sido escolhida. Já pensando em comprar aquele carrinho de três rodas com o cachê.
    Chego lá só modelétis da ford e afins, 1,80m, magrelas e lindas. Eu com um metro e meio, celulites e uma pseudo barriga de grávida. Ai ai...
    Nem preciso dizer que não consegui o job. "Escolhemos uma famosa" foi o que eles disseram.

    ahahahaha
    pelo menos temos história pra contar!
    beijo

    ResponderExcluir
  17. Sorry, mas eu tô rindo até cair aqui pq também juro que bochechas se materializam nas minhas fotos, bochechas essas que não me pertenciam antes...
    O que é isso hein? Bochechas a esmo que encarnam em seres que não as precisam... afff
    Bjo - adorei o post!

    ResponderExcluir
  18. crachá sem foto foi demais! adorei o post!
    beijos

    ResponderExcluir
  19. hahahaha
    ai mari...
    e vc quer mais "GRAMOUR" nessa vida????
    com uma filha que é TOP, um filhote que é MEGA e uma maridex que te acha a próxima capa da vogue?????
    ãhã...
    kkkk
    bjocas

    ResponderExcluir
  20. ADORO o jeito que vc escreve!!!

    Se vc quiser largar a vida de top model glamurosa e se lançar como escritora, juro que compro tudo que vc escrever!!!

    E se serve de consolo, minhas bochechas aparecem em fotos, ao vivo, e até em telepatia!


    Bjão

    ResponderExcluir
  21. Mari, fui chamada semana passada pra fazer fotos pra coleção materna, junto com a Princesa, de uma marca de BIQUÍNIS!
    Detalhe, estou novamente grávida e me sentindo daquele jeitinho depois de uma viagem de 15 dias comendo horrores!
    TOPEI! E espero que ao passar por esta tão esperada sessão de fotos não tenha uma desilusão ainda maior e ficar trancada o resto dos meses antes do parto e mais alguns muitos depois do resguardo! kkkk....

    Me achando corajosa....

    Ai meus sais.

    Beijão,

    Bruna!

    ResponderExcluir
  22. KKKKK
    Olha que eu até já mostrei pro meu marido uma foto tua pra mostrar com que tipo de mulher eu casaria se fosse homem!

    ResponderExcluir
  23. 'Pelamor'! Tudo isso porque tu és linda; imagina se fosse comigo... Um pequeno balde de água fria na vaidade desse ser. Kkkkk; sempre me divirto com teu bom humor. Beijooooooooo.

    http://www.closetdahelo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Aahaahha..muito bom!!! Eu tb tenho uns pneus fantasmas!!!! hahahahahaha

    ResponderExcluir
  25. Minha filha já tem 4 anos e eu ainda tenho 4kg p/ perder. hahahah
    E eu tenho 1,58! heheheh

    Se serve de consolo, a Sandy só tem 1,50. Vc é bem alta perto dela!

    ResponderExcluir
  26. Mais uma vez, adorei a forma divertidíssssssima que vc escreveu!
    Que situação!
    Relaxa com as bochechas... minha filha é buchechuda e todo mundo acha ela uma gracinha! risos!

    www.roteirobaby.com.br

    ResponderExcluir
  27. kkkkkkk

    Sabe... tenho essa mesma sensação (das bochechas materializadas) só que sobre minha barriga que, depois de 2 anos (pós-gravidez) muito bem instalada no meu corpitcho, parece que não quer mais ir embora.

    Tenta aí que nem eu: "Sai, Sai, Barriga enorme desse corpo que não te pertence!"
    Quem sabe com as suas bochechas funciona!!!

    rs...
    bjos...

    Já disse que amo seus textos???? heim? heim?

    ResponderExcluir
  28. kkkk, vi o link para o seu blog em algum outro e já achei o nome ótemo, os posts são muito bons, Parabéns!
    Eu tb já fui convidada VÁRIAS vezes para vários castings, aqueles de "gente normal" mesmo, Natura, etc... e nunca passei em nenhum, entendo a sua frustração, rs!
    um beijo e parabéns pelo blog!
    Bianca

    ResponderExcluir
  29. Ri muito!Também tô na mesma, minha menina já tá com 1 aninho e 3 meses e os kilos estão lá, nem todos na bochecha!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  30. hahahahaha vc é ótima!! quase nao comento, mas acompanho seu blog fielmente, a-do-ro! o jeito que vc escreve é simplesmente delicioso e único. tbm sou mae e me identifico muitas vezes com o que escreve. parabéns pelo bom humor, e por nos fazer rir com ele! e viva o crachá sem foto! haha bjos!

    ResponderExcluir
  31. Hahahaha, adorei seu relato. É tão duro as vezes ser normal, ne? Mas tenho certeza que a morena super linda que quase fez vc cair pra tras nao tem um blog tao legal como esse!

    ResponderExcluir
  32. Nossa, que texto hilário!!!!
    Primeira vez q entro no blog e tô adorando...muito bom!
    Rindo em altas.

    ResponderExcluir
  33. Entre barata na bata e bochecha fantasma acho que vc esta no caminho certo sucesso Mari! kkkkk

    keiko, aquela que tem a bochecha 3X a sua, sem sombra de duvidas...

    ResponderExcluir
  34. hahaha!!! Amei!!! To rindo sozinha aqui!!! E eu adoro as suas bochehcas apesar do cano que vc me deu no sabado!!! Beijo, gugui!

    ResponderExcluir
  35. VC é linda e tenho certeza que as fotos ficaram belissimas. Vc nao vai colocar aqui no blog pra gente ver as bochechinhas?? beijos, van

    ResponderExcluir
  36. Dispensa comentários!
    Chorei de rir...

    ResponderExcluir
  37. Bochechas fanstasmas ... to chorando de rir.

    ResponderExcluir
  38. ri mto da bochecha fantasma!

    mas entendi todo seu drama. já passei por ele na gravidez e passei de novo na semana passada.

    todo ele. desde me sentir a top model anã, até descobrir que eu tenho, na verdade, uma gengiva torta fantasma.

    e os planos que eu fiz com o cachê?
    eu sou mãe, preciso mais do dinheiro que aquela magrela vara pau de 16 anos de idade!

    tá. acabou o deslumbre.
    somos pessoas normais, e daí?

    pelo menos você tem aí seus filhos, seu marido que vai sempre te achar o must e nós, suas mil fãs, que vamos sempre rir das suas baboseiras e do seu jeito totalmente sincero de falar aquilo que nem sempre o resto do mundo tem coragem de dizer.

    ResponderExcluir
  39. Amei!
    Parabéns pelo lindo Blog!
    Karine
    (http://aventurasdomundomaterno.blogspot.com)

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails